sábado, julho 21, 2012

um tanto

"Mulheres: gostava das cores de suas roupas; do jeito delas andarem; da crueldade de certas caras. Vez por outra, via um rosto de beleza quase pura, total e completamente feminina. Elas levavam vantagem sobre a gente: planejavam melhor as coisas, eram mais organizadas. Enquanto os homens viam futebol, tomavam cerveja ou jogavam boliche, elas, as mulheres, pensavam na gente, concentradas, estudiosas, decididas: a nos aceitar, a nos descartar, a nos trocar, a nos matar ou simplesmente a nos abandonar. No fim das contas, pouco importava; seja lá o que decidissem, a gente acabava mesmo na solidão e na loucura." 

Charles Bukowski


é, Bukowski, um tanto assim.
mas não perca as esperanças, meu amigo. ou as perca, tudo bem.
só se atente que às vezes coisas incríveis acontecem mesmo quando a gente não acredita.

3 comentários:

Nathalia Pacheco disse...

adoreeeeeei

Be Lins disse...

Coisas incríveis acontecem quando a gente não espera; o problema é não esperar... eu sou uma esperadora nata.
Será que mesmo assim, com ansiedade e tudo, acontecem?

Beijo, Dani!

EK disse...

Aconteceu-me uma coisa incrível há umas 3 semanas. Descobri - usando um eufemismo - o lado mais lunar do ser humano.