segunda-feira, agosto 27, 2012

o papel branco

"Pediram a um faquir que discursasse para um grupo sobre a natureza negativa da mente.

Ele pregou na parede uma enorme folha de papel totalmente branca. E fez um ponto negro no papel com um lápis. Então ele pediu a cada homem para dizer o que via.

Cada homem respondeu: um ponto negro.

O faquir então disse: Sim, há um pontinho negro. Mas ninguém de vocês viu a superfície enorme de papel branco, e este é o ponto do meu discurso."

Osho
em "Uma Xícara de Chá"

Um comentário:

JasonJr. disse...

:) ;)